Dar um saltinho ao campo

Por volta dos nossos doze, todos os Verões a brincadeira era a mesma.
Com dois ou três dias de antecedência, em pleno Agosto, chegava a derradeira notícia:
façam as malas para quatro ou cinco dias de campo.
Já sabíamos que isso significava um adeus temporário à televisão, ao computador e à restante parafernália tecnológica (que não se compara à de hoje em dia), e não podíamos gostar menos da ideia.

Mas significava também tempo de qualidade para a família, aprender os nomes das àrvores, pôr as mãos na terra, experienciar a picada de uma abelha, comer sopa da pedra, e assistir às típicas festas de aldeia.
Íamos sempre para sítios diferentes, mas parecia-nos tudo igual: muito campo, muitas árvores, muita fauna a pastar.
E sempre demasiado silêncio.

Aquilo que antes era um pesadelo, transformou-se num programa que considero puro luxo.
Respirar o ar do campo, ter à mesa o que é plantado a poucos metros dali, ouvir o silêncio só interrompido pelo barulho dos animais, e poder mudar totalmente o cenário do dia-a-dia.
Foi assim este fim-de-semana.

Priceless! ♥

Ana: Jeans Massimo Dutti | Top Zara SS’ 13| Camisola Massimo Dutti AW’ 14 | Galochas OKAA Spain

 

Escrever um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Instagram @monozigosisters_